Torre de Belém: um dos símbolos mais famosos da capital portuguesa!

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)Depois de muito tempo finalmente consegui entrar na Torre de Belém, um dos monumentos mais conhecidos da capital portuguesa. Eu já havia visitado o local inúmeras vezes mas confesso que nunca tinha tido coragem de encarar a fila para conhecer a torre por dentro.

Considerada Patrimônio Mundial da Humanidade (UNESCO) e uma das 7 Maravilhas de Portugal, a Torre de Belém é, sem duvida alguma, visita obrigatória para quem vai a Lisboa.

Construída no início da Idade Moderna (entre 1514 e 1520) – quando Portugal era considerado uma grande potência – há quem diga que a arquitetura arrojada da Torre é um retrato da forma extravagante em que se vivia no país naquela época.

Porém, ao contrário dos inúmeros ornamentos que a fortificação exibe por fora e que a tornam única, por dentro ela é bem minimalista e está praticamente vazia. A visita à torre, portanto, acaba sendo interessante basicamente pela bela vista que proporciona da região e pelos ricos detalhes da fachada.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Sobre a Torre de Belém

Você sabia que o nome verdadeiro da fortificação é Torre de São Vicente? Pois é, acho que pouca gente sabe disto. Para mim também foi uma grande novidade. São Vicente é o padroeiro de Lisboa e também da Torre de Belém.

A construção da Torre teve inicio em 1514 – durante o reinado de D. Manuel I – e só terminou em 1520. A ideia inicial era que a mesma integrasse o sistema de defesa da Barra do Rio Tejo. Em outras palavras, a fortificação deveria ser usada para proteger a capital portuguesa dos inimigos.

Porém, com o passar do tempo e à medida que os métodos de ataque e defesa foram evoluindo, a Torre acabou perdendo a função defensiva para a qual foi projetada e acabou ganhando novas funções, tais como posto de sinalização telegráfico, farol e até mesmo prisão política.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

A Torre foi edificada junto a Praia de Belém e era totalmente rodeada Rio Tejo, cujas águas chegavam até bem perto do Mosteiro dos Jerônimos. Porém, aos poucos a areia deixada pelo rio fez com que a praia fosse se estendendo até a Torre. Atualmente, a fortificação está literalmente às margens do rio.

De estilo Manuelino, o monumento exibe no seu exterior várias esculturas alusivas aos Descobrimentos, tais como escudos reais, cruzes de Cristo, esferas armilares e cordas.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

A visita à Torre de Belém

A fortificação é constituída de duas partes: o Baluarte e a Torre. A torre é composta de 5 andares ligados por uma única escada bem estreita em formato de espiral. Já o Baluarte tem três pisos e o formato de um hexágono.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Sala do Governador

No primeiro andar da Torre encontra-se a chamada Sala do Governador. O nome, provavelmente, deve-se ao fato de existir, no Século XVI, o cargo de governador da Torre de Belém. Nesta sala você vai ver a boca oitavada da cisterna que recolhia e armazenava a água das chuvas.

O acesso aos outros andares da torre é feito por meio de uma escada bem estreita. Desta sala até o terraço da torre você deve subir 93 andares. Há uma sinalização, teoricamente para controlar o movimento de subida e descida dos turistas mas no dia em que fiz a visita este controle deixou muito a desejar.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Sala dos Reis

Nesta sala há uma lareira e uma varanda virada para o Rio Tejo.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Sala de Reuniões

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Capela

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Terraço da Torre

É do terraço que você terá uma bela vista de toda a região e do Rio Tejo. O Terraço é rodeado de ameias e em cada canto há uma guarita. Ameia é a abertura que existe no parapeito das muralhas, por meio da qual os defensores da Torre podiam visualizar a aproximação do inimigo.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Baluarte (Terraço)

De acordo com a ordem da visita, depois de deixar a Torre você vai para o Terraço do Baluarte.  Lá, você vai encontrar seis guaritas e, assim como no terraço da torre, inúmeras ameias. As cúpulas das guaritas possuem a forma de gomos.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Uma informação interessante é que as guaritas assentam em figura de animais. O mais famoso deles é o rinoceronte, cuja história de como foi parar lá pode ser encontrada neste link.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

No centro do terraço há um parapeito e uma imagem de pedra muito bonita. É a imagem de Nossa Senhora do Bom Sucesso, ou “Virgem das Uvas”, como também é conhecida.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Descendo as escadas você poderá entrar em um pequeno pátio com várias aberturas. Em cada uma delas há peças de artilharia. Ao todo são 17 bocas das canhoeiras. Há uma pequena inclinação no pavimento para facilitar o escoamento da água e, também, para proporcionar uma posição segura às canhoeiras.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Neste mesmo andar há um pequeno pátio – o claustrim – cujo objetivo era proporcionar a saída da fumaça que se formava quando os canhões eram disparados.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Uma pequena escada leva à cave (subsolo), também chamada de paióis. Era lá que ficavam os prisioneiros.

Torre de Belém (Lisboa, Portugal) / Belém Tower (Lisbon, Portugal)

Como chegar à Torre de Belém?

A Torre de Belém fica na freguesia denominada Belém, concelho e distrito de Lisboa, em Portugal.

De carro: O endereço é Av. de Brasília 1400-038;

De transporte público: Várias linhas de ônibus (autocarro) passam próximo à Torre. Os números são 727, 28, 729, 714 e 751. Se preferir você pode pegar o bondinho (elétrico no. 15). Para quem vai de trem, o ideal é descer na estação de Belém. Existe também a possibilidade de ir de barco e descer na Estação Fluvial de Belém.

Informações Importantes sobre a Torre de Belém

  • A entrada individual custa 6. Para consultar descontos e compra conjunta com outros monumentos, clique aqui;
  • Horário:
    • Verão (Maio a Setembro), das 10h às 18h30. A última entrada é às 17h00;
    • Inverno (Outubro a Abril), das 10h às 17h30. A última entrada é às 17h00;
    • O museu não abre às Segundas-feiras, nem nos dias 01 de Janeiro, Domingo de Páscoa, 01 de Maio, 13 de Junho e 25 de Dezembro.
  • Duração média da visita: 1h00. No verão pode demorar mais devido à fila.

Dicas do MeusRoteiros

#1. As filas para entrar na Torre, especialmente durante o verão, costumam ser bem grandes. Para que você não perca tanto tempo esperando, nossa dica é que você compre o ingresso antecipado;

#2. Programe-se para visitar todos os monumentos de Belém no mesmo dia. E se tiver tempo, coloque o Palácio da Ajuda no seu roteiro;

#3. Se tiver a oportunidade de ficar para ver o pôr do sol na Torre, eu garanto que você não vai se arrepender. Outra opção bem ali pertinho para ver um belo pôr do sol é o MAAT (Museu de Arquitetura, Arte e Tecnologia);

#4. Se você não gosta de lugares fechados, sugiro que pense duas vezes antes de subir a escadaria de acesso a Torre, especialmente se for um dia em que houver muitos visitantes. A escadaria é bem estreita e com o grande número de turistas, às vezes é preciso ficar parado esperando para subir ou descer.

Sites e Artigos sobre a Torre na Web

Site Oficial sobre a Torre de Belém;

Torre de Belém: roteiro para um passeio em família;

Rinoceronte na Torre de Belém.